Vale a pena comprar o Seattle CityPass? Nossa Experiência

Vale a pena comprar o Seattle CityPass? Nossa Experiência

O que é o Seattle CityPass?

O Seattle CityPass é um voucher que contém ingressos com desconto, para 5 atrações em Seattle.

Quais são as atrações incluídas no Seattle CityPass?

Aquário de Seattle
Space Needle
Argosy Cruises Harbor Tour
Chihuly Garden and Glass OU Pacific Science Center
Museum of Pop Culture (MoPOP) OU Woodland Park Zoo

Voucher do Seattle CityPass

Qual a validade do Seattle CityPass?

O Seattle CityPass vale por 9 dias, a partir da data que você usar o primeiro ingresso (não é a data da compra).

Onde posso comprar o Seattle CityPass?

O Seattle CityPass pode ser comprado pela internet. Finalizada a compra, é necessário imprimir um voucher. Na primeira atração que você for, eles trocarão o voucher que você imprimiu, pelo voucher impresso deles.

Você pode também solicitar o envio para o hotel que vai se hospedar em Seattle. Se preferir, eles enviam o voucher para a sua casa, caso você more nos Estados Unidos, Canadá, Portugal, França, Alemanha, Itália, Espanha, Australia, Nova Zelândia, ou Reino Unido (infelizmente, eles não enviam para o Brasil).

Há também a possibilidade de comprar o Seattle CityPass na hora que você for visitar a primeira atração (foi oque fizemos).

Vale a pena comprar o Seattle CityPass?

Se você fora as 5 atrações que o Seattle CityPass te dá direito, você terá uma economia de 45%. Vale muito a pena! Se você for a 4 atrações, continua valendo a pena também.

Menos que isso, depende das atrações. Os preços dos ingressos são diferentes, sendo algumas atrações mais baratas; como o Woodland Park Zoo e Pacific Science Center; e outras mais caras; como o Space Needle e o Argosy Cruises Harbor Tour.

Se você acha que só irá em 3 atrações, minha sugestão é verificar o preço de cada uma delas no site oficial, e somar. Se o valor total que irá gastar, for maior que o valor do Seattle CityPass, vale a pena comprá-lo.

Por exemplo, se você desejar ir ao Space Needle, Argosy Cruises Harbor Tour e mais outra atração, já vale a pena. Como eu falei, os ingressos mais caros são do Space Needle, e do Argosy Cruises Harbor Tour.

Como usar o Seattle CityPass – Nossa Experiência

Nós utilizamos o Seattle CityPass em 4 atrações: Space Needle, Museum of Pop Culture (MoPOP), Chihuly Garden and Glass, e Argosy Cruises Harbor Tour.

Compramos o Seattle CityPass na primeira atração que fomos, o Museum of Pop Culture (MoPOP). Chegamos na recepção e pedimos o Seattle CityPass. A recepcionista nos deu o voucher que contém todos os ingressos, destacou o ingresso do MoPOP, e nos cobrou 89 dólares por cada um (fevereiro/18).

Museu MoPOP em Seattle

A atração seguinte, que utilizamos o CityPass foi o Space Needle. Chegamos ao local e entramos na fila para o elevador. Achamos que era só esperar lá, e algum funcionário destacaria nossos ingressos.

Porém, uma funcionária veio até nós, e nos orientou com relação ao uso do Seattle CityPass no Space Needle. Primeiro, precisa reservar o horário que quer subir na torre, e depois imprimir um outro ingresso para apresentar na hora de subir.

Saiba mais, veja nossos outros posts de Seattle!

Há um guichê para compra e impressão de ingresso, que estava lotado. Ao lado, duas máquinas que também vendiam e imprimiam ingressos.

Voucher do Seattle CityPass

Tickets para a Space Needle em Seattle

Para nossa surpresa, o horário mais próximo para subir na torre, era dali 1 hora e meia. Não quisemos esperar, já seria noite nesse horário, e nós queríamos ir um pouco antes do por do sol.

Fomos dois dias depois, e como já sabíamos de tudo isso, ao chegar lá, fomos direito para a máquina para reservar o horário, e imprimir o ingresso. Nesse dia deu tudo certo. Conseguimos reservar o horário para a hora que chegamos, imprimimos, e já fomos pegar a fila para subir no Space Needle.

Space Needle em Seattle Vista do Kerry Park

O passeio seguinte foi o cruzeiro Argosy Cruises Harbor Tour. Fomos ao Argosy Visitor Center, no Píer 56, para eles destacarem nossos ingressos do Seattle CityPass, e reservar o horário.

A reserva de horário e entrega do ingresso também pode ser feita em um guichê da Argosy Cruises no Píer 55.

Argosy Cruises Harbor Tour - Passeio de Barco em Seattle

O último local aonde utilizamos o Seattle CityPass foi o museu Chihuly Garden and Glass. Chegamos na recepção, a funcionária destacou o ingresso e entramos.

Museu Chihuly Gardens And Glass em Seattle

Comprar o Seattle CityPass foi uma ótima opção para nós. Antes de irmos para Seattle, já havia feito nosso roteiro, e tinha certeza dos lugares que queria conhecer. Quatro deles estavam incluídos nesse voucher, e nossa economia total em ingressos, foi de USD 87,96 (USD 43,98 para cada um).

Foi uma grande economia! E usar o Seattle CityPass também foi fácil, no site eles te dão todas as informações necessárias.

Se for a Seattle, recomendo pesquisar todos os pontos turísticos que deseja conhecer. Depois verifique no site do Seattle CityPass quais estão inclusos lá e faça as contas! Se valer a pena, não pense duas vezes em comprá-lo!

Saiba mais, veja nossos outros posts de Seattle!

Nós sempre reservamos nossas viagens pela internet. Ao longo dos anos, usamos vários sites de reservas, mas chegamos ao Booking.com que consideramos o mais fácil de usar, com informações e instruções mais claras. Confira você mesmo e veja o que você acha! Clique aqui para conferir hotéis em Seattle.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *